Nélson Rodrigues

Nasceu em 1980. Vive e trabalha em Lisboa.

EXPOSIÇÕES

- (Post) Architectural Voices, Colectivo Os Espacialistas, Espaço Mira, Porto , outubro 2015;

- Os Espacialistas no Palácio - O Palácio vai nu, Palácio Marquês de Pombal, Colectivo Os Espacialistas, Oeiras, Março 2016;

- Lusíada 30 anos Arquitectura, Museu Nacional dos Conches, Sala Jardim de Belém, Lisboa, Dezembro 2016;

WORKSHOPS/OFICINAS

- Centro Cultural das Caldas da Rainha, 2009;

- Universidade de Belas Artes do Porto, 2010;

- Centro Cultural de Belém, Colectivo Os Espacialistas, 2009/2011;

- Faculdade de Arquitectura da Universidade do Porto, Colectivo Os Espacialistas FAUP, 2013;

- Fundação Calouste Gulbenkian, Colectivo Os Espacialistas, 2014/2015;

- Faculdade de Belas artes Universidade do Porto, Colectivo Os Espacialistas, 2016;

- “LAR – Laboratório de Arte e Arquitectura” na Universidade Lusíada de Lisboa, 2016.

 

INSTALAÇÕES

- Ordem dos Arquitetos, Colectivo Os Espacialistas OASRS ,2008;

- São Luiz Teatro Municipal, Colectivo Os Espacialistas, 2010/2011.

PERFORMANCE

- Coreto do Jardim da Estrela,Festival o Lugar á dança, Colectivo Os Espacialistas, 2009);

- Jardim da Torre de Belém , Colectivo Os Espacialistas, 2009;

- Exercício Ginástico de Género, ManPower Festival, Colectivo Os Espacialistas, Lisboa, junho 2016.

PUBLICAÇÕES

- Ilustração fotográfica - Magazine, Diário de Noticias, dicionário ilustrado , Gonçalo M. Tavares, “Quantidade”, setembro 2014;

- Ilustração fotográfica - Magazine, Diário de Noticias, dicionário ilustrado, Gonçalo M. Tavares, “Substantivo”, novembro 2014;

- Ilustração fotográfica - Magazine, Diário de Noticias, dicionário ilustrado, Gonçalo M. Tavares, “Melancolia”, novembro 2014;

- Ilustração fotográfica - Visão,Crónica, Gonçalo M. Tavares, “Delfim, o filme de Fernando Lopes”, agosto 2015;

- Revista de arte, Selections, Playing whit space “Os Espacialistas”, por Jareh Das, pag. 86 a 89 e 150, Maio 2016;

- Revista, Critical Cities, Plano de Lisboa, Os Espacialistas no triângulo (no circulo e no quadrado), Lisboa 2016;

- Ilustração fotográfica,Livro “Atlas do Corpo e da Imaginação” de Gonçalo M. Tavares.

O trabalho do artista lida com questões do espaço, matéria, técnicas construtivas, ferramentas/objecto de trabalho ou escultórico que dão origem a processos criativos da obra de arquitectura à arte.

A sua arte manifesta-se em vários suportes desde em desenho, desenho vectorial (CAD), fotografia, escultura, instalação, livros de artista e performance.

CONTACTOS

mostra@mostra-online.com

+351 919 197 354

  • Grey LinkedIn Icon
  • Grey Facebook Icon
  • Grey Instagram Icon
  • Grey Twitter Icon

MOSTRA @ 2020  |  Terms  |  Privacy